Richard Hammond: estou tendo uma crise de meia-idade ao contrário

Fonte: mirror.co.uk

richard-hammond-pic-dm-913945782
Chegar à meia-idade pode fazer os homens agirem meio loucamente – comprar um carro bacana, uma jaqueta de couro e recuperar o penteado de sua juventude há muito perdida.

Exceto Richard Hammond. Ele passou pela crise da meia-idade ao contrário. O apresentador do Top Gear de 42 anos trocou sua Lamborghini preta por um trailer rosa, um corte de cabelo sensato e deixou de fumar e beber. E ele nunca se sentiu melhor.

Ele declara: “Agora, estou mais feliz do que jamais estive na minha vida. Realmente acho que tive uma crise da meia-idade, custei a aceitar que tinha 40 anos, mas provavelmente nunca estive tão feliz.”

“Estou vendendo vários dos meus carros. Eu me sinto meio bobo dirigindo alguns deles. Deixei meu cabelo crescer, e depois cortei ele de novo.”

“Essa história de crise da meia-idade, tem gente que acha que é um palavrão. Já não sou tão jovem e todos nós temos o direito de termos uma crise da meia-idade, mas já deixei isso para trás.”

“Ter 40 anos é brilhante e eu adoro. Estou mais feliz agora do que quando tinha 20 anos. Você tem que tomar uma decisão aos 40 anos. Muita gente enfia o pé na jaca e, quando chegam aos 50 anos, estão um bagaço. Como você vive aos 40 anos define como você será aos 50 anos.”

Então, Richard decidiu parar de beber e fumar, além de começar uma alimentação mais saudável.

Ele explica: “Decidir ficar sem beber em Janeiro e gostei tanto que decidi passar outros três meses sem beber. Para ser honesto, não cheguei perto da bebida desde então.”

“Passo semanas sem beber uma única gota. Vou à festas e posso dirigir até elas e voltar tranquilamente. Caramba, me sinto muito melhor assim, é ótimo. A qualidade do sono melhorou demais.”

“Não sou um abstêmio – às vezes bebo muita gin tônica até cair. As ressacas duram bem pouco e não sou de gastar tanto em jantares. Tenho uma tolerância até razoável para um cara do meu tamanho, mas isso já era.”

“É incrível como consegui ficar em forma, sem beber e cuidando da minha alimentação. Gostei muito. Não é por causa da vaidade. É para ter autoconfiança e poder pular da cama sem reclamar.”

richard-hammond-pic-dm-940208003

Sua nova aparência mais jovem inclusive geraram rumores de que ele tenha passado por cirurgia plástica, aplicado Botox e branqueado os dentes.

Richard diz rindo: “Até meus pais e meus irmãos estavam convencidos que tinha tingido o cabelo. Dou graças a Deus pelos três fios brancos que acabaram de aparecer. Assim, posso provar a eles que não tingi nada.”

“Também fui acusado de ter aplicado Botox – eu ri muito disso. Eu apenas perdi peso, tenho me alimentado melhor e corro cinco vezes por semana. Mas eu quero muito uma tatuagem. Se eu soubesse qual, eu faria isso amanhã.”

Pode parecer estranho ele ter dito adeus àquelas madeixas longas. Ele ri: “Eu parecia ridículo mas é o meu cabelo. Isso não importa tanto.”

Richard tem muitos motivos para estar feliz. Ele adora sua esposa Mindy e seuas filhas Izzy, 11 anos, e Willow, 8 anos.

A casa da família Hammond é um castelo de £2 milhões em Herefordshire, com helicóptero próprio e uma coleção de animais – dois pavões, seis gatos, cinco cães, 10 pôneis, quatro cavalos, dois burros, duas cabras, um porco, algumas ovelhas, patos e galinhas.

E Richard é muito agradecido por cada minuto precioso que ele passa com sua família.

the-vampire-jet-car-which-richard-hamond-was-involved-in-pic-bbc-691841197
Há cinco anos, ele teve sorte por sobreviver a um acidente em um carro a jato a 460 km/h, que provocou danos e inchaço em seu cérebro. Muitas coisas do ano de 2006 foram apagadas de sua memória e ele ainda imagina como aquele acidente o afetou.

Ele explica: “Para alguém que teve o cérebro danificado, qualquer coisa que ela dizer e pensar será questionada por ela mesma.”

“Podem haver algumas consequências residuais que alterarão o comportamento.”

“Passarão seis meses e você dirá, ‘estou melhor agora’. Então, outros seis meses se passarão e você dirá, ‘nossa, estou muito melhor agora’. Hoje é a mesma coisa.”

“Quando os 40 anos se aproximavam, eu estava muito preocupado. Você faz-se muitas perguntas mas no fundo eu pensava, ‘será que fui afetado pelo que aconteceu? Será que está influenciando meu julgamento?'”

“Eu perdi um ano. Não lembro da entrevista que dei ao Jonathan Ross ou o Top Gear Live na África do Sul. Apenas recentemente descobri que Jeremy Clarkson enviou mensagens de texto à Mindy todos os dias quando eu estava no hospital.”

“Por cinco semanas ele enviava uma mensagem engraçada à Mindy e isso a animou bastante. Ele odiaria o fato de eu contar isto porque isso o faz parecer muito sentimental mas isso significou muito para a Mindy. Ele morreria de vergonha.”

O acidente também mudou a atitude do Hammond em relação às proezas ousadas que ele realiza no Top Gear. Ele diz: “Eu fico muito mais nervoso agora. Recentemente, estávamos gravando para a próxima temporada e estávamos dirigindo carros muito velozes.”

“Não é que eu acredito que irei me machucar, é o fato de eu estar prestes a fazer algo que me deixa um pouco preocupado.”

“Não lido com isso tão bem quanto antes, eu mieo que entro em pânico. Mas não faria isso se estivesse preocupado.”

“Talvez seja porque sou um pai de 40 anos com duas filhas, e não quero perder isso.”

“Não sou imprudente. Nunca fui imprudente. Eu falo por todos nós, não somos imprudentes, somos todos adultos. Seria um desrespeito para minha esposa e minhas filhas se eu dissesse o contrário. Minhas filhinhas querem ter um pai por perto, então eu não arriscaria perder isso.”

richard-hammond-and-family-pic-dm-641187345
Há um grande risco que ele está disposto a aceitar.

Richard diz: “Atuar seria um risco, mas seria demais. Para que isso vire realidade, é preciso livrar-se de toda sua dignidade. Eu adoraria ser um ator. Provavelmente não chegaria a Hollywood aos 42 anos de idade, mas adoraria atuar.”

“Você não é visto sendo você mesmo, você está entrando no mundo de outra pessoa, falando as palavras de outra pessoa.”

O Top Gear com certeza dá aos seus apresentadores um bom treinamento para os palcos, fazendo-os experimentarem muitos tipos de emoções – incluindo terror.

Richard lembra de alguns momentos bem perigosos envolvendo caipiras no Alabama.

O trio de apresentadores quase foi linchado num posto de gasolina quando nativos ficaram ofendidos com a picape do Richard, que continha “Amor Gay É Demais” escrito na lateral.

Ele diz: “Tudo começou quando uma mulher apareceu e disse, ‘você são bichas querendo ver por quanto tempo ficam vivos numa cidade caipira?’ Jeremy e eu dissemos ‘Nãããão! Só queremos abastecer nossos carros.’ Então, eles começaram a atirar pedras.”

“Foi um momento pertinente para o programa. Eles estavam bravos. Eles nos caçaram por todo o estado, podíamos ouví-los nos rádios CB. Eles diziam ‘cadê vocês?’ Foi muito desagradável, mas bem engraçado.”

O que ele não acha engraçado são as acusações de que o Top Gear é machista.

Ele diz: “As pessoas sempre esfregam isso na nossa cara, mas não somos machistas. Isso é pura besteira. É muito irritante. Nem discutimos algo desse tipo.”

“As pessoas dizem para nós, ‘Eu sei o que acham de mulheres que dirigem’. Como é? Nunca falamos nada sobre mulheres ao volante. Por que diríamos?”

“As mulheres que aparecem no programa normalmente são melhores que os homens porque eles são movidos pelo ego. Os homens não escutam o que o Stig diz para eles e acabam exagerando.”

Tem uma convidada que o faria enlouquecer – Angelina Jolie.

“Se ela viesse ao Top Gear, eu desmaiaria,” ele diz. “Ela é linda, eu a adoro. Ela tem uma Land Rover e armas de fogo.”

Tradução: John Flaherty

Anúncios

Sobre johnflaherty

Meu nome é Sadao H. Konno, mas sou mais conhecido como "John Flaherty". Por quê? Porque sim, uai! Desde criança, eu gosto de carros, tanto que minha lembrança mais antiga dessa época é de uma capa da antiga Audi Magazine. Nunca fui muito de ler os grandes clássicos da literatura, mas o que me salvou foram as revistas especializadas em carros. Mais precisamente, a QUATRO RODAS, a MOTOR SHOW e, recentemente, a AUTO ESPORTE. Acho que foi em 2009 que descobri o Top Gear, e desde então, virei um grande fã da trupe formada pelo Jezza, Hamster, Capitão Lerdo e Stig. Em 2010, inspirado por uma amiga da faculdade, decidi começar a legendar vídeos do Top Gear e postá-los no YouTube. Infelizmente, minha conta foi bloqueada pela BBC, mas agora, ofereço suporte ao blog Top Gear BR.

Publicado em 23/12/11, em Hammond, Matérias traduzidas, News, Top Gear UK e marcado como . Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. Richard e mt foda, gosto muito dele, os tres sao otimos, mas ele e com ctz meu favorito.

  2. Bruno Zen Zortéa

    achava q a esposa dela era uma gostosa LOL

  3. Bruno Zen Zortéa

    eu tava lendo e vi vários erros de ortografia pf leiam dnv o texto e corrijam eles muito obrigado

  4. Legal a matéria. Bem “Caras”. Mas mudando de asunto, será que não seria possível vocês legendarem o preview com fotos do especial de Natal do TG que tem no site oficial deles? Valeu.

  5. O Richard comprou um trailer?

    Traindo o movimento Top Gear contra traliers hehe

  6. Bom é interessante a vida do Hammond.é bem legal.agora essa do trailer cor de rosa é para matar.

  7. o richard parece ser um cara bem legal!

    []s

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: