Mark Webber ganha o GP de Mônaco de 2012

monaco

Seis carros, seis segundos e seis vencedores em 2012. O Grande Prêmio de Mônaco terminou assim: Webber, Rosberg, Alonso, Hamilton, Vettel e Massa – uma diferença de apenas 6.195 segundos entre o 1º e o 6º – e eles distantes de di Resta, Hulkenberg, Raikkonen e Senna. Jenson Button foi visto pela última vez indo para casa, com capacete e tudo, após outra corrida para ele esquecer. Ele caiu de 1º para 7º na tabela de pontos do campeonato.

A chegada apertada esconde o fato de que este foi um GP bem normal numa temporada até agora bem anormal. Se houve alguma ultrapassagem, normalmente ela foi considerada ilegal e seguida por uma mensagem por rádio dos comissários da prova, pedindo que a posição fosse devolvida. Realmente, se Mônaco não conseguiu oferecer nenhuma chance para ultrapassagens neste ano, mesmo com os carros tão próximos e com a asa-móvel e os pneus e…

Ah, bem. Falta pouco para a Indy 500.

E tem o Michael Schumacher. Para variar, ele envolveu-se em um acidente que parecia ter nada a ver com ele, além do fato dele ter feito uma ótima largada, e iria recuperar uma ou duas posições que sua punição tirou dele. O toque com Romain Grosjean pode ter sido a causa, ou não, do seu abandono perto do fim da prova. Se ele tivesse largado na pole (teria sido sua 69º) e observando o ritmo de corrida de Nico Rosberg e como a corrida se sucedeu, achamos que o Michael iria estar celebrando sua 92º vitória e sua 6º vitória em Monte Carlo neste momento, empatando com o recorde de Ayrton Senna. E, que coisa, nós também achamos que poderia ser uma história mais interessante que o velho Mark conseguindo sua segunda vitória em Mônaco. Pois é.

Fonte: TopGear.com

Sobre johnflaherty

Meu nome é Sadao H. Konno, mas sou mais conhecido como "John Flaherty". Por quê? Porque sim, uai! Desde criança, eu gosto de carros, tanto que minha lembrança mais antiga dessa época é de uma capa da antiga Audi Magazine. Nunca fui muito de ler os grandes clássicos da literatura, mas o que me salvou foram as revistas especializadas em carros. Mais precisamente, a QUATRO RODAS, a MOTOR SHOW e, recentemente, a AUTO ESPORTE. Acho que foi em 2009 que descobri o Top Gear, e desde então, virei um grande fã da trupe formada pelo Jezza, Hamster, Capitão Lerdo e Stig. Em 2010, inspirado por uma amiga da faculdade, decidi começar a legendar vídeos do Top Gear e postá-los no YouTube. Infelizmente, minha conta foi bloqueada pela BBC, mas agora, ofereço suporte ao blog Top Gear BR.

Publicado em 27/05/12, em Matérias traduzidas, News e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. germaniobr

    Fora isto a corrida foi bem interessante… fazia um bom tempo que não via tão equilibrado assim… ainda assim, faltou um tanto de emoção.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: