Os Ícones do Hammond: Renaultsport Clio V6

670x377Image

Não tem como evitar: eu quero apontar meu dedo indicador para o pequeno Clio V6 amarelo na minha frente, do mesmo jeito se estivesse bravo com um dragãozinho que acabou de tossir na cozinha e queimou todas as minhas panelas. É um carro tolinho e deveria saber disso. De fato, essa coisinha excitante, doida, exibida, bonitinha, louca e simplesmente encantadora, com seus 255 cavalos, ainda consegue atrair atenção hoje, uma década depois de ter sido apresentado e deixar-nos imaginando para que diabos ele realmente servia.

670x377Image (1)

Vamos eliminar qualquer confusão aqui. Isto está longe de ser um míssil teleguiado à la Lotus ameaçador e ajustado numa pista de corridas. É uma coisa realmente ridícula. O motor Renault 3.0 V6 apareceu em várias formas em carros mais sensatos, desde a elegantemente prática Espace ao majestosamente confortável Vel Satis. Mas, nesta encarnação, ele foi feito para algo bem diferente. As primeiras versões, com 233 cavalos, chegou em 2001 e os modelos com 255 cavalos como este chegaram em 2003.

670x377Image (2)

Eu sempre imaginei que um hot-hatch é ter a praticalidade de um hatchback de quatro lugares misturado com a excitação resultante de um motorzinho feroz, uma dirigibilidade refinada e talvez um farol-de-milha e um ou dois adesivos. A Renault fez um pouco mais que isso ao criar o Clio V6. Para conseguir instalar o motor no meio do carro, os bancos traseiros foram jogados fora. Então, lá se foi a praticalidade. Assim como durabilidade à prova de tudo e robustez.

670x377Image (3)

Já detonei os eixos de transmissão em dois modelos diferente ao longo dos anos, mas admito que isso aconteceu porque estava tentando fazer zerinhos, após ter sido avisado para não fazer isso pelo guardião do carro em ambas as ocasiões. Esse V6 produz 255 cavalos, o que é suficiente para lançar o Clio até 96 km/h em 5,8 segundos. A velocidade máxima é de 246 km/h. Somente estes números certamente não justificam o custo, seja quando fosse novo (R$88.460) ou hoje (entre R$16.380 e R$65.530). Então, por que ele está nesta coluna? Para entender, você apenas precisa andar em um.

670x377Image (4)

Ele parece ser muito mais especial que muitos hatchbacks. Não foram feitos muitos – apenas algumas centenas – e essa exclusividade parece presente em cada centímetro do carrinho esportivo. De fato, ele foi feito à mão numa fábrica da RenaultSport em Diepee, e isso, de algum modo, faz-se presente, com toques de couro Alcantara e coisas exclusivas que o fazem lembrar que está dentro de uma fera bem rara.

670x377Image (5)

O V6 até que é um bom passageiro, grunhindo de leve quando pega leve no seu pequeno casulo, onde o banco traseiro costumava ficar, e fica satisfatoriamente barulhento se você decidir ver se os números de performance são reais. Certo, não é um carro de corrida extremamente preciso, mas é muito engraçado: todos sempre olharão para ele, os adolescente ficarão babando e, contanto que você esteja de bom humot quando for dirigí-lo, você também terá muito divertimento. Estranhamente, o Clio V6 teve maior sucesso na Grã-Bretanha, o que diz muito sobre nosso senso de humor.

670x377Image (6)
670x377Image (7)
670x377Image (8)

Fotos: Justin Leighton

Sobre johnflaherty

Meu nome é Sadao H. Konno, mas sou mais conhecido como "John Flaherty". Por quê? Porque sim, uai! Desde criança, eu gosto de carros, tanto que minha lembrança mais antiga dessa época é de uma capa da antiga Audi Magazine. Nunca fui muito de ler os grandes clássicos da literatura, mas o que me salvou foram as revistas especializadas em carros. Mais precisamente, a QUATRO RODAS, a MOTOR SHOW e, recentemente, a AUTO ESPORTE. Acho que foi em 2009 que descobri o Top Gear, e desde então, virei um grande fã da trupe formada pelo Jezza, Hamster, Capitão Lerdo e Stig. Em 2010, inspirado por uma amiga da faculdade, decidi começar a legendar vídeos do Top Gear e postá-los no YouTube. Infelizmente, minha conta foi bloqueada pela BBC, mas agora, ofereço suporte ao blog Top Gear BR.

Publicado em 17/09/12, em Hammond, Matérias traduzidas, News, TopGear.com e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. bunitim.. mais prefiro mustang ^^

  2. germaniobr

    Queria muito um destes…. jogo com ele no Forza 4 e é um bicho!

  3. joao alberto

    to olhando um desses porem o 1.6 16v 4 portas para comprar, pois estou esperando o dinheiro, por que esta dificil.

  4. Este é um belo carro, porem eu não sabia que ele nao tinha os bancos de tras!
    Eu tenho um Clio, normal, um destes eu compraria na hora, adoro a marca e adoro o carro esta foi mais uma ótima materia!

  5. Ovelheiro Tosquilha

    E o Top Gear Australia? Ninguém fala não? É bonzinho também… Melhor q esta bosta de fifth gear.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: