GOOD NEWS! É o novo Dacia/Renault Sandero!

Large%20Image

O que temos aqui?
Nada menos do que o novo Dacia Sandero, que custa £5.995* (R$20 mil).

Espera um pouco. Por que do asterisco?
Bem, o problema é que obviamente queríamos testar a versão mais interessante, o básico 1.2 a gasolina, com 75 cavalos e com o pacote Access. No entanto, a Dacia apenas disponibilizou a versão 3-cilindros turboalimentada, com 91 cavalos, e com o pacote mais caro, a Laureate. Com GPS. E rodas de liga-leve. E outros equipamentos. Ele custa £8.795 (R$29.400).

Então o modelo básico é menos equipado?
Sim. Ele nem tem um rádio ou alto-falantes, apenas alguns fios no painel para você instalar um. Mas por trás das engenhocas, eles são o mesmo carro – um hatchback médio com 5 portas que é maior que um New Fiesta, menor que um Golf europeu e não tão bem-feito quanto nenhum dos dois. Não se surpreenda com isto.

Não me surpreendi.
Dá para ver onde a Dacia (pronuncia-se Da-Tcha, como a montadora insiste em salientar) economizou. Tudo é bem simples, desde os vincos na carroceria até os botões no painel. A contabilidade entrou em ação e tornou tudo mais barato. Mas é essa a idéia – ele foi feito para ser barato e por causa disso, ele tem um charme todo próprio. Este é um carro simples, que quer fazer algo simples: ser um meio de transporte barato.

E ele é ruim de dirigir?
Tudo depende de como você julgá-lo. Se você for compará-lo a um hatchback familiar “de verdade”, como um New Fiesta, então sim, ele é meio ruinzinho. Nada foi feito para temperar a experiência ao volante, mas ele também não chega a assustar. Ele lida bem com curvas, ele não fica “dançando” na rodovia e apesar do ruído causado pelo vento ser meio alto, você não precisa berrar. A suspensão é um pouco dura, o que rouba-lhe um pouco de confiança. O volante não passa muita sensação também. E as trocas de marcha são bem ruins. E mesmo com apenas 962 kg, o pequeno turbo sofre. E lá vou eu tratando-o como um carro de verdade novamente.

E quanto à praticidade?
Bem, até que tem um bom espaço interno – bastante espaço para a cabeça e o suficiente para quatro adultos. O porta-malas também é bom, embora você tenha que apertar um daqueles botões redondos de metal que sempre conseguem machucar seu dedão. E tome cuidado com as bordas superiores das portas traseiras. Elas têm uma parte pontuda que de algum modo chegam bem perto da sua cara quando você as abre. O capô, no entanto, tem um suporte a gás. Com sorte este pequeno toque de luxo não é um indicador que você irá abri-lo várias vezes.

A confiabilidade poderá ser um problema?
Eu duvido muito – ele passa a sensação de ser um carro que seguirá em frente para sempre, e que provavelmente durará mais do que seus donos.

Ele é seguro, certo?
É seguro de dirigir, sim. De fato, há um toque de charme inesperado nessa história de básico-mas-honesto. A maior questão é a segurança. A Renault, dona da Dacia, foi uma das primeiras a conseguir a pontuação máxima nos testes da EuroNCAP, tornando a segurança um forte argumento de vendas. Hoje em dia quase todos os carros recebem 5 estrelas da EuroNCAP. Mas não o Sandero. Quando for testado, ele deverá conseguir 3 estrelas. Isto pode ser um problema. Embora a Dacia seja um grande sucesso internacionalmente, provando que seus clientes estão prontos para abrirem mão de refinamento, equipamentos, estilo e força da marca para terem um carro de preço acessível, não acho que eles estejam preparados para abrirem mão da segurança.

Sobre johnflaherty

Meu nome é Sadao H. Konno, mas sou mais conhecido como "John Flaherty". Por quê? Porque sim, uai! Desde criança, eu gosto de carros, tanto que minha lembrança mais antiga dessa época é de uma capa da antiga Audi Magazine. Nunca fui muito de ler os grandes clássicos da literatura, mas o que me salvou foram as revistas especializadas em carros. Mais precisamente, a QUATRO RODAS, a MOTOR SHOW e, recentemente, a AUTO ESPORTE. Acho que foi em 2009 que descobri o Top Gear, e desde então, virei um grande fã da trupe formada pelo Jezza, Hamster, Capitão Lerdo e Stig. Em 2010, inspirado por uma amiga da faculdade, decidi começar a legendar vídeos do Top Gear e postá-los no YouTube. Infelizmente, minha conta foi bloqueada pela BBC, mas agora, ofereço suporte ao blog Top Gear BR.

Publicado em 10/12/12, em Matérias traduzidas, News e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 7 Comentários.

  1. estou pensando em pegar a versão nacional do Sandero, versão vendida atualamente, porem não sei se estou fazendo boa compra.🙂

    O complicado é que a Renault esta vendendo os carros sem Air bag de fábrica…eu tenho um clio 2003 e ele já vinha, isto foi sacanagem!

  2. joao alberto

    se eu fosse vc eu esqueceria o sandero e procurava outro carro, vc estará indo para o pior indo para o sandero, o seu clio é o 1.6 16v ?

    • Não 1.0 16v e foi o melhor carro que eu já tive! muito econômico na cidade e na estrada, difícil de quebrar e super silencioso!
      Por isso pensei em um Sandero, pois é um maior que o Clio. Mais estou na duvida se pego outro Clio ou um Sandero, pois pelo preço de R$30,000 foi o que achei melhor aqui em Recife!

      • germaniobr

        Eu tive um sandero 1.6 8v e agora tenho um Stepway 1.6 16v, este último com AirBag e ABS.

        Se o teu Clio era 1.0, saiba que é o mesmo motor no Sandero, mas com mais peso.
        Portanto, se for entre o Clio 1.0 e o Sandero 1.0 e você quer alguma performance, fique com o Clio.

        O problema é que o Clio não oferece AirBag e ABS nem como opcionais, e se você pretende privilegiar pela segurança, terá de partir para o Sandero.

        Dica minha: Se puder financiar mais longo ou dar uma entrada melhor, vá de Sandero 1.6. Tem um bom torque, não dá manutenção e é um jipe mesmo nas versões “normais” (digo, sem ser o Stepway). Eu acho as versões 1.6 tão honestas que quando saí do primeiro para um Sentra e tive de baixar de nível novamente, não hesitei em pegar outro Sandero, embora mais completo.

  3. Grégori Costa

    kkkkkkkkk…. juro que li o titulo com a voz do May na cabeça, muito bom.

  4. Eu também li o texto com a voz do James May na cabeça.foi muito legal,mas agora o Renault Sandero conseguiu apenas uma estrela no Latinncap.

  5. Lucas Menotti

    Pelo visto eles não mudaram muita coisa do Sandero atual para este aí. O atual também tem um isolamento acústico horrível, mas a suspensão firme ainda é ponto positivo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: