Os Ícones do Hammond: Renault Clio Williams

670x377Image

Uma vez, eu almocei com Estelle Skornik, a atriz francesa que interpretou Nicole nos lendários comerciais “Papa, Nicole” do Renault Clio. Bom, quando eu digo “eu almocei com”, eu quero dizer que eu estava num almoço, sentado ao lado dela e de cerca de um milhão de outros jornalistas do setor automotivo. Eu achei que me saí muito bem; não soltei nenhum peido durante toda a hora e meia que passamos juntos, não derrubei nada nela e não soltei um único palavrão. Ela não pareceu interessada em continuar nossa coversa depois do almoço, então eu a deixei ir. Ela não sabe o que perdeu.

670x377Image (1)

Mas por favor, não deixe essa baboseira francesa em um vestido de bolinhas brancas e carinha fofa influenciar suas impressões do Renault Clio Williams. Ele é um monstro. Um verdadeiro hot-hatch bravo que, em muitas maneiras, define o gênero.

670x377Image (2)

Feito para ser homologado para o campeonato de rali francês, ele foi lançado em 1993 e você podia tê-lo em azul com rodas douradas ou em azul com rodas douradas. Apenas 5.400 modelos da primeira versão foram feitos, e as versões 2 e 3 somaram outras 6.700 unidades.

670x377Image (3)

O carro que você vê é o número 001 – o primeiro a ser feito. Seu dono era Sir Frank Williams, mas ele fez uma limpeza há alguns anos e o vendeu de volta à Renault. Obviamente. Eu deveria tomar cuidado com ele, por causa da sua exclusividade. Mas, e eis o negócio com o Clio Williams, ele não é feito para cuidar de você como uma mãe. Ele quer machucá-lo.

670x377Image (4)

O 4-cilindros 2.0 soa tão bravo e mal-humorado como você podia querer; o bastante para fazer você ignorar o fato dos cintos de segurança serem azuis. O resto do interior é bem moderno e aceitável hoje, apesar de ter 20 anos de idade. E quem liga? Quem olhá-lo verá apenas o exterior volumoso e quadrado e seu sorriso brilhando do lado de dentro feito um tigre em um helicóptero de guerra.

670x377Image (5)

Ele produz 150 cavalos, o bastante para levá-lo de 0 a 96 km/h em 7,8 segundos, o que deixa-o longe do território dos supercarros. Mas ele acelera com tanto estilo e determinação, e então, quando ele ganha velocidade, o simples prazer de sentir a traseira querer perseguir a dianteira toda vez que você tira seu pé direito do acelerador é horrivel e maravilhosamente viciante.

670x377Image (6)

Ele é tudo que um hot-hatch deve ser: rápido o bastante para deixá-lo bem encrencado se você quiser, mas que também exige um pouco de esforço para isso. Ele é especial, poucas unidades foram feitas e é muito valorizado por colecionadores, então eis um motivo para dirigí-lo. Pode ter certeza de que você receberá acenos de entusiastas, ao invés da adoração de aspirantes a popstars se você estivesse em um supercarro. Eu quero muito um, e se você comprar um, eu ficarei com muita inveja, além de muito impressionado.

670x377Image (7)670x377Image (8)670x377Image (9)670x377Image (10)

Sobre johnflaherty

Meu nome é Sadao H. Konno, mas sou mais conhecido como "John Flaherty". Por quê? Porque sim, uai! Desde criança, eu gosto de carros, tanto que minha lembrança mais antiga dessa época é de uma capa da antiga Audi Magazine. Nunca fui muito de ler os grandes clássicos da literatura, mas o que me salvou foram as revistas especializadas em carros. Mais precisamente, a QUATRO RODAS, a MOTOR SHOW e, recentemente, a AUTO ESPORTE. Acho que foi em 2009 que descobri o Top Gear, e desde então, virei um grande fã da trupe formada pelo Jezza, Hamster, Capitão Lerdo e Stig. Em 2010, inspirado por uma amiga da faculdade, decidi começar a legendar vídeos do Top Gear e postá-los no YouTube. Infelizmente, minha conta foi bloqueada pela BBC, mas agora, ofereço suporte ao blog Top Gear BR.

Publicado em 24/03/13, em Hammond, Matérias traduzidas, News e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 7 Comentários.

  1. kkkk

    Muito obrigada pela tradução, John😉

  2. Um sonho de projeto que eu gostaria de tocar. Como não deve ter nenhum por aqui na rep. das bananas, o negócio seria adaptar tudo por aqui… dificil? Não é impossível. Show de tradução!

  3. joao alberto

    acho bem legal esses carros que são azuis e rodas douradas, como alguns subarus, esse clio entre outros veiculos.

  4. germaniobr

    É, série especial pra gente aqui é um Gol Copa à cada 4 anos… que não é nada mais que um gol normal com adesivos na lateral e tampa traseira…

    Aliás, séries especiais no Brasil geralmente não tem nada de especiais… geralmente é só um cosmético e fica nisso.

    • Rolland T. Flackphayser

      Já tivemos um especial. O Gol GTi 2.0 16 V 141 cv.

      Depois…

      A idade das trevas!

  5. ZehGabilao

    Uma vez vi um a venda no mercadolibre argentino por alguma coisa perto de 14k dólares!!
    Chorei 3 dias sem parar :´(

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: