Arquivo da categoria: Hammond

Os Ícones do Hammond: Peugeot 205 GTi

670x377Image

Fotos: Justin Leighton

Nenhum outro carro que já mencionei aqui tem tantos clichês associados à ele quanto este carro. E eu tentarei evitar todos.

Se eu mencionar algo que lembre Margaret Thatcher, músicas de gosto duvidoso, o poder da ganância, suspensórios vermelhos ou qualquer outra baboseira dos anos 1980, peço que alguém por favor chute a minha cara. Porque esta seção trata de lendas, os carros que realmente destacam-se devido ao que são, ao que podiam fazer, e o que podiam fazer à sua alma. Ou às suas calças.

Os Ícones do Hammond: Fiat 500

670x377Image

Bem, o que posso dizer? Quero dizer, com certeza você está sentindo alguma emoção só de ver isto nesta foto. ADMITA! Você está sentindo… está, sim. Eu colocaria um destes entre eu e uma horda dos mais violentos guerreiros de Genghis Khan e ficaria esperando tranquilamente todos eles pararem, soltarem seus arcos e flechas e dizer, “Olha o carrinho. É liiiiiiindo”. E ele é.

Leia o resto deste post

Os Ícones do Hammond: Ford Escort Cosworth

D30_6157.jpg

Suspensão independente nas quatro rodas e tração integral com uma divisão 34/66 são funções legais em um carro moderno; mas em algo de 1992, bem, isso mostrou que o Escort Cosworth era um carro sério. Esta edição especial Monte Carlo inclusive tinha rodas iguais às dos lendários carros do WRC. Mas estas coisas são irrelevantes agora. Afinal… veja a asa. Ficar pasmo diante de um Escort Cosworth e comentar sobre qualquer outra coisa é como elogiar as sobrancelhas de uma dançarina de pole-dancing. Olhe para essa baita asa… é enorme.

Sim, versões futuras do Escort Cosworth tinham um turbo menor e, apesar de ser menos potente – a potência baixou de 230 cavalos para 220 – eram considerados melhores de se dirigir, mas… olha essa asa.

Leia o resto deste post

Richard Hammond, o encantador de cavalos

259704

Os cavalos, ao contrário das opiniões de um certo orangotango de 2.5 metros de altura que os espectadores do canal Dave conhecem como o apresentador do Top Gear, não são “lunáticos maliciosos e que têm medo de poças”. Eles podem ser um tanto caprichosos e eles têm, diferente de nossos carros, uma mente própria. Mas é uma mente gentil e básica, mais preocupada em encontrar um belo pasto do que provocar políticos ou discutir com James May sobre quem comandava qual submarino na Segunda Guerra Mundial.

Leia o resto deste post

DVD: Top Gear at the Movies (Legenda)

Neste DVD, Richard Hammond e James May decidem fazer um tributo ao carro no cinema e na TV, recriando cenas e manobras famosas, além de reimaginarem os carros usados em filmes e séries de TV clássicos.

Leia o resto deste post

Richard Hammond: estou tendo uma crise de meia-idade ao contrário

Fonte: mirror.co.uk

richard-hammond-pic-dm-913945782
Chegar à meia-idade pode fazer os homens agirem meio loucamente – comprar um carro bacana, uma jaqueta de couro e recuperar o penteado de sua juventude há muito perdida.

Exceto Richard Hammond. Ele passou pela crise da meia-idade ao contrário. O apresentador do Top Gear de 42 anos trocou sua Lamborghini preta por um trailer rosa, um corte de cabelo sensato e deixou de fumar e beber. E ele nunca se sentiu melhor.

Leia o resto deste post

Os Ícones do Hammond: Lotus Carlton

670x377Image

Eu não sei o nome apropriado para esses casacos de couro com metade do tamanho de um normal, com golas de pele e grandes bolsos que os vilões vestem nesses filmes ao leste de Londres sobre caras durões, mas, seja lá o que isso for, o Lotus Carlton é o carro equivalente ao casaco. Enorme, curvado e provavelmente muito bravo, é um carro que você se aproxima lentamente e tenta não olhar nos olhos. Eu os adorei quando apareceram em 1990, e ainda adoro. Mas seria muita sorte se você ver um: apenas 950 foram feitos numa produção que terminou em 1992, e foi sorte eles terem sido construídos – a idéia de um carro de “família” custando hoje em dia o equivalente a R$ 250 mil é difícil de acreditar.

Leia o resto deste post

Primeiro teaser do Especial Índia

top-gear-christmas-2011

Está chegando, o Especial Índia do Top Gear, e a BBC lançou o primeiro teaser do episódio.

Leia o resto deste post

Dr. Hammond e Mr. Richard

kawasaki-kr1s-250-cm3-slika-2336870

A primeira vez que eu apertei um botão Sport num carro e notei uma diferença sensível foi numa Ferrari 360 Stradale. Na verdade, era o botão de desligar o controle de tração, e para ser justo, logo que eu o apertei eu me acidentei. Mas o ponto é, pelo menos eu fiz algo excitante e – ouso dizer? – dinâmico. O fato é que a maioria dos carros produzidos com um botão Sport nos serviriam melhor se mudassem o que está escrito para “Desapontamento” ou “Anticlímax”. Por uma razão, é ridículo pra um carro sport de qualquer espécie ser equipado com um botão Sport. É um carro esportivo: o que eles pensam que nós estávamos esperando?

Leia o resto deste post

Top Gear S14E02 – Hammerhead-i Eagle Thrust / Audi R8 V10 x Chevrolet Corvette ZR1 / Michael Sheen / Teste da Autocar

1
Originalmente exibido em 22 de Novembro de 2009

– Será Que É Tão Difícil Jeremy Clarkson, Richard Hammond e James May criarem seu próprio carro elétrico?
– Clarkson testa a versão V10 do Audi R8, e coloca-o contra o Chevrolet Corvette ZR1.
Estrela no Carro de Preço Razoável: o ator galês Michael Sheen.
Vídeo extra: a revista inglesa Autocar testa o carro elétrico do Top Gear.

Leia o resto deste post

%d blogueiros gostam disto: